Timóteo iniciou nesta segunda-feira a vacinação de idosos com idade entre 80 e 89 anos

Meta da Secretaria de Saúde é aplicar 1.000 doses da vacina contra a Covid-19 nesta semana; 17 equipes de ESF foram reforçadas para agilizar a cobertura
PMT
I025629.jpg
Meta é aplicar mil doses da vacina nesta semana

A Prefeitura de Timóteo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e Qualidade de Vida,  deu inicio nesta segunda-feira (8) a vacinação de idosos com 80 a 89 anos. A vacinação ocorrerá em domicílio, por isso eles devem aguardar em casa a equipe da unidade de saúde do seu bairro.

Para agilizar a aplicação das doses, o idoso nessa faixa etária deve deixar em separado um documento de identidade, CPF e o cartão de vacinação se tiver. Os idosos que não estiverem na base de dados de cobertura da Secretaria de Saúde deve entrar em contato com a unidade mais próxima da sua casa ou ligar na Vigilância Epidemiológica (3847-7629)  e repassar o nome, o endereço e o telefone. 

Segundo dados da Secretaria de Saúde, até a presente data o Município já recebeu 5.484 doses da vacina que foram aplicados em 3.331 pessoas. A meta de vacinação para esta semana, de acordo com o secretário municipal de Saúde, Eduardo Morais, é aplicar 1.000 doses. Para isso, a Secretaria de Saúde reforçou as 17 equipes do programa Estratégia de Saúde da Família, responsáveis pela vacinação.  A aplicação das doses no Município está condicionada à remessa enviada pelo governo de Estado que, por sua vez, recebe os lotes do governo federal.

Recomendação MP

Na sexta-feira, dia 5, o Município de Timóteo recebeu a Recomendação nº 01/2021 por meio do Ofício n.º 060/2PJ/2021 do Ministério Público “quanto a pretensas propostas legislativas locais, que alterem a ordem de grupo prioritário ou conflitam com demais disposições expressas do plano nacional (de imunização), que se abstenham da apresentação ou VETEM pretensas propostas legislativas locais aprovadas no âmbito da Câmara Municipal”. Dessa forma o Município vai continuar seguindo o plano nacional de imunização com a ordem de vacinação e os respectivos públicos.

“Já temos um ano de pandemia e sabemos o que funciona e o que não está dando certo. Está comprovado que as aglomerações em datas comemorativas prolongadas têm provocado o aumento de número de casos positivos e agravando a situação de ocupação de leitos. Se a população não fizer a sua parte não tem leito que dê conta, lamentavelmente. Estamos muito próximos de minimizar essa situação com a vacina. É preciso ter paciência e muita calma e continuar seguindo todos os protocolos, pois em breve poderemos retomar a rotina. Precisamos unir forças para garantir a preservação das vidas!”, pontuou o secretário de Saúde de Timóteo, Eduardo Morais.
 

Fonte : PMT

Compartilhe:

Galeria de Imagem